Últimas Notícias

Santuário

Estado

Nacional

Prefeitura promete pagar salário e décimo só depois do natal

Redação Canindé On line - às 13:59 - 22/12/2016


Uma Audiência Pública de Conciliação realizada no Fórum de Canindé, na manhã de hoje, quinta-feira (22), definiu o cronograma de pagamento de salários e décimo terceiro dos servidores da Prefeitura.

Segundo o termo de audiência, ficou acordado o pagamento do 13° do Fundo Geral, folha de Novembro dos servidores da Secretaria de Educação, sendo suporte pedagógicos e administrativos para a próxima segunda-feira (26). Ainda na segunda deve ser feito o repasse do duodécimo que pertence à Câmara de Vereadores. Devendo o correr o desbloqueio das contas.

A Prefeitura assumiu ainda o compromisso de pagar no dia 30 de Dezembro, o 13° dos professores; o mês de Novembro dos aposentados e pensionistas do IPMC; a folha de Novembro do servidores da Saúde; ficando ainda acordado o bloqueio de R$ 1.120.000,00 do recurso da repatriação afim de garantir o pagamento de Novembro da Secretaria de Saúde.

O acordo foi homologado pelo Juiz de Canindé, Antonio Josimar Almeida Alves. Assinaram o termo de audiência o prefeito em exercício Paulo Justa; os procuradores geral e adjunto do município José Maria, e Junior Portela; o secretário de finanças Alexandro Justa; os representantes do SINDSEC, De Assis Farias, Ana Célia e o pelo advogado Janduy Targino; a representante da saúde Dalva Maria Uchoa; os vereadores Júlio César (Alemão) e Francisco Justa; o presidente da associação dos servidores Rosemário Lucena; a advogada Sílvia Helena e os radialistas Márcio Sousa e Dery Martins.

 Mesmo tendo a Prefeitura recebido desde do dia de 17 de Novembro até ontem dia 21, o valor de R$ 10.822.878,03 (dez milhões, oitocentos e vinte dois mil, oitocentos e setenta e oito e três centavos) o município ainda passa por uma grave crise financeira.

Aos servidores da prefeitura só resta apenas passar o natal e final de ano trabalhando na esperança de receber e que o acordo seja cumprido. As vendas de Natal no comércio local serão atingidas diretamente com a não circulação do dinheiro dos servidores da prefeitura. E pela primeira vez na história de Canindé, os vereadores também ficarão sem salários durante o Natal.
 





 
Copyright © 2011 - 2016 Canindé On-line - Nosso Foco é Política
Grupo Canindé de Comunicação - GCCOM