Últimas Notícias

Santuário

Estado

Nacional

Saque das contas do FGTS vai melhorar a vida dos brasileiros, diz Temer

Publicado em 06/03/2017 - às 23:45
Em mensagem gravada aos trabalhadores, o presidente da República, Michel Temer, reforçou que a liberação do saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) tem como princípio injetar dinheiro na economia brasileira e melhorar a vida dos brasileiros. No calendário previsto pela Caixa Econômica Federal, os saques começam nesta sexta-feira (10).
Pela previsão do governo, pelo menos R$ 30 bilhões serão injetados na economia com a retirada do saldo do FGTS. Para Temer, a medida ajuda os brasileiros a ter uma renda adicional, que pode ser usada para pagar dívidas, atividades de lazer com a família ou investimentos para o futuro.
No vídeo, o presidente ressaltou a importância da decisão do governo federal para o País. “Você sabe que a economia precisa de circulação de dinheiro. É uma maneira que o governo encontrou de colocar dinheiro na economia e ajudar você a ter uma verba suplementar, adicional, que possa facilitar a sua vida”, disse.
O primeiro lote estará disponível para quem nasceu nos meses de janeiro e fevereiro, beneficiando cerca de 4,8 milhões de trabalhadores  16% do total. A expectativa da Caixa Econômica Federal é de que os saques nesta rodada cheguem a R$ 6 bilhões.
Como sacar
Podem sacar o saldo das contas do FGTS os trabalhadores com carteira assinada que, em um ou mais contratos de trabalho, pediram demissão ou foram demitidos por justa causa com o contrato finalizado até 31 de dezembro de 2015.
A partir de 10 de março, as contas inativas com saldo até R$ 1,5 mil poderão ser sacadas no autoatendimento da Caixa apenas com senha do Cartão do Cidadão (sem a necessidade do plástico). Já para valores entre R$ 1,5 mil e R$ 3 mil, será necessário que o trabalhador possua o Cartão do Cidadão e senha para pagamentos no autoatendimento.
Outra opção para saque são os canais parceiros (Caixa Aqui e unidades Lotéricas), onde são permitidos saques de até R$ 3 mil, apresentando o documento de identificação do trabalhador, Cartão do Cidadão e a respectiva senha. Valores acima de R$ 3 mil serão sacados exclusivamente nas agências da Caixa.
Para valores superiores a R$ 10 mil, será necessária a apresentação da carteira de trabalho ou documento que comprove a extinção do vínculo do trabalho. Os correntistas da Caixa poderão solicitar a transferência automática dos valores.
Calendário
O mês de abril terá o maior volume de pagamentos, com a possibilidade de saque para os trabalhadores que fazem aniversário nos meses de março, abril e maio. Ao todo, 26% dos trabalhadores terão o direito de retirar o montante entre os dias 10 de abril e 11 de maio.
Entre 12 de maio e 14 de junho, os cotistas que fazem aniversário nos meses de junho, julho e agosto poderão sacar o valor das contas inativas. Segundo a Caixa, o período compreende 25% das pessoas com direito aos benefícios.
Fonte: Portal Planalto
 
Copyright © 2011 - 2016 Canindé On-line - Nosso Foco é Política
Grupo Canindé de Comunicação - GCCOM