Últimas Notícias

Santuário

Estado

Nacional

Um peso, duas medidas: donos de bares e lanchonetes burlam fiscalização e expõem mesas e cadeiras nas ruas

Publicado em 19/03/2017 - às 22:26

Uma mega operação da Guarda Municipal tirou na última quarta-feira (15), várias bancas de camelôs do Centro da cidade. A ação foi deflagrada após a publicação da portaria 11/2016 da Justiça de Canindé.

De acordo com o documento, devem ser desobstruídos calçadas, praças, ruas, avenidas e canteiros centrais. Quem descumprir a determinação pode ser multado, ter a suspensão da atividade comercial e ainda ter o alvará de funcionamento cassado. Mas ainda é possível observar vários estabelecimentos descumprindo a portaria judicial. É caso dos bares na avenida Francisco Cordeiro Campos, onde o canteiro central é utilizado para o uso de mesas e cadeiras. O mesmo acontece em uma lanchonete na rua Euclides Barroso com a Rua Manoel dos 
Santos Lessa, onde os dois lados da via são obstruídos por mesas e cadeiras, dificultando a passagem de veículos e pedestres.

É notável que a rígida fiscalização ainda não chegou nesses locais. O alvo mesmo foram os camelôs que tiveram suas bancas apreendidas e não voltarão a comercializar por um bom tempo na cidade. Enquanto isso, vemos mais um caso de “um peso, duas medidas”, quando autoridades tem condutas diversas diante de situações idênticas. 
 
Copyright © 2011 - 2016 Canindé On-line - Nosso Foco é Política
Grupo Canindé de Comunicação - GCCOM